Saúde fiscaliza qualidade da água entregue à população de Vilhena

Sexta-feira, 22 de setembro de 2023

Visualizada 115 vezes

Laudos apontam resultados satisfatórios em todas as amostras coletadas


O programa de Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Vigiagua) consiste em um conjunto de ações adotadas continuamente pelas autoridades públicas de diferentes esferas para assegurar à população o acesso à água em quantidade suficiente e com qualidade compatível com o padrão de potabilidade estabelecido na legislação vigente, a Portaria GM/MS nº 888, de 04 de maio de 2021.

 

Nesse contexto, a Secretaria Municipal de Saúde (Semus), tem implementado esse programa com o intuito de promover a saúde pública e prevenir doenças de transmissão hídrica no município.

 

As atividades do Vigiagua são conduzidas pela Divisão de Vigilância em Saúde. De acordo com o técnico do programa, Paulo Tarcísio, essas ações abrangem inspeções, fiscalizações e monitoramentos da água fornecida pela companhia de saneamento, no caso, o Serviço Autônomo de Água e Esgotos (Saae).

 

Para isso, são realizadas 20 coletas de água a cada mês, totalizando 240 amostragens por ano. Após essa etapa, as amostras coletadas pela equipe são enviadas para o Laboratório Central de Saúde Pública de Rondônia (Lacen), em Porto Velho. O órgão é responsável por analisar e elaborar os laudos que descrevem os parâmetros básicos e físico-químicos presentes na água, incluindo pH, turbidez e agentes microbiológicos.

 

Além disso, anualmente, são coletadas oito amostras para análise de parâmetros de elevada complexidade, abrangendo substâncias orgânicas e inorgânicas, inclusive agrotóxicos. Essas amostras são obtidas em locais específicos, próximos das áreas de cultivo, e a análise é realizada pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz).

 

Todas as medições e registros das diversas características da água são lançados no Sistema de Informação da Vigilância da Qualidade da Água para Consumo Humano (Sisagua), sendo este um instrumento do Vigiagua que tem o objetivo de auxiliar o gerenciamento de riscos à saúde a partir dos dados gerados rotineiramente.

 

Paulo Tarcísio destaca que até o momento, todos os laudos de Vilhena têm apresentado resultados satisfatórios, sem qualquer indicação de alteração na qualidade da água.

 

"Nossa equipe se esforça para garantir a qualidade da água, pois somos a única cidade do estado abastecida pelo aquífero do Parecis. Continuaremos a manter essa excelência na vigilância da qualidade da água e na transparência das informações sobre a segurança hídrica", enfatizou.

 

Semcom

 Galeria de Fotos

 Veja Também

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: 7h - 13h