Hemocentro recebe colaboração de cooperativa, vereadores e Prefeitura em campanha por mais doações de sangue

Quinta-feira, 25 de novembro de 2021

Visualizada 82 vezes

Dia Nacional do Doador de Sangue é comemorado nesta quinta-feira, 25 de novembro


Ouvir matéria

Com o objetivo de arrecadar mais bolsas de sangue para tratamento dos pacientes em Vilhena, o Hemocentro destaca nesta quinta-feira, 25 de novembro, o Dia Nacional do Doador de Sangue. Em reunião hoje na entidade, a diretoria da cooperativa de crédito Cresol garantiu apoio com doação de 100 kits com camisetas e copos personalizados, a Prefeitura de Vilhena disponibilizou apoio na divulgação dos pedidos de doações de sangue e os vereadores Zeca da Discolândia e Zezinho da Diságua também encamparam o projeto.

“Sangue não se compra, não se fabrica. É algo que realmente dependemos da solidariedade humana para coletivamente preservarmos o maior número de vidas possíveis. Queremos nesta data conscientizar a população sobre a importância da doação, agradecer nossos doadores, agradecer nossos parceiros que apoiam a causa e alertar que no fim de ano historicamente observamos queda nas doações por causa das férias e viagens. Mesmo assim, precisamos manter as doações porque aumentam os acidentes de trânsito”, destaca Michely Toledo, coordenadora do Setor de Captação e Doação do Hemocentro de Vilhena.

Na instituição estiveram nesta manhã o gerente da unidade de Vilhena da cooperativa de crédito Cresol, Rafael Oliveira e o diretor-superintendente da Cresol Oeste Catarinense, Wagner Adriano Tartari. Eles garantiram a entrega de 100 camisetas personalizadas e 100 copos com identificação da campanha para compor kits em apoio à causa.

Por sua vez o vereador Zeca da Discolândia providenciou a confecção de cinco outdoors no município com mensagens em alusão ao Dia Nacional do Doador de Sangue em busca de incentivar mais doações.

A Prefeitura de Vilhena, conforme indicação do vereador Zezinho da Diságua em julho deste ano, promove também campanha de divulgação para arrecadação de sangue, produzindo notícias, artes e vídeos que incentivem a população a participar das doações, em apoio ao tratamento dos pacientes que estão nas unidades de saúde de Vilhena.

O Hemocentro explica que todos os tipos sanguíneos são necessários, mas os negativos são os mais difíceis de serem conseguidos. A Saúde lembra ainda que além de pessoas que se submetem a procedimentos e intervenções médicas, o sangue também é indispensável para que pacientes com doenças crônicas graves possam viver por mais tempo e com mais qualidade, além de ser de vital importância para tratar feridos em situações de emergência ou calamidades.

De acordo com o Ministério da Saúde, uma única doação pode salvar até quatro vidas.

As captações de sangue no Hemocentro em Vilhena acontecem segunda, quarta e sexta-feira, das 7h às 13h e nas terças e quintas-feiras das 13h às 18h.

O Ministério da Saúde elenca os requisitos para uma pessoa doar sangue no texto do link: www.gov.br/saude/pt-br/composicao/saes/sangue.

 

Semcom

 Galeria de Fotos

 Veja Também

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: 7h - 13h