ÚLTIMAS NOTÍCIAS /

Semas vai atender a domicílio em bairros afastados com veículo adaptado: emenda é da deputada federal Jaqueline Cassol

Terça-feira, 24 de novembro de 2020

Visualizada 472 vezes

Governo Federal aprovou emenda para compra de motorhome de R$ 260 mil para o Cras Itinerante


O Ministério da Cidadania aprovou recentemente a emenda da deputada Jaqueline Cassol para a compra de uma van adaptada, no valor de R$ 260 mil que será utilizada no projeto “Cras Itinerante” da Prefeitura de Vilhena. Com o objetivo de atender moradores da zona rural e distritos de Vilhena, a equipe de assistência social realizará atualizações do cadastro único, orientações sociais de benefícios e auxílios para aqueles que não conseguem ir até a Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas).

Para Rafael Reis, secretário municipal de Assistência Social, esse veículo será de suma importância para a comunidade. “Uma grande oportunidade para abranger o acesso dos serviços socioassistenciais a todos os vilhenenses, sobretudo aqueles que residem longe do Centro. A presença da equipe da Semas nos bairros afastados garante que  todos os usuários da Política de Assistência Social tenham seus direitos preservados e um melhor atendimento”, explica Rafael.

O recurso será depositado na conta da Prefeitura ao fim das eleições municipais no Brasil, visto que em algumas cidades ainda deve acontecer o segundo turno.

“Parte do corpo técnico nós já temos, o mapeamento de usuários já está feito e as necessidades já foram levantadas. Muitas pessoas têm dificuldade de se deslocar de suas casas até os órgãos públicos. Seja pela idade avançada ou por falta de veículos de transporte, muitas famílias acabam deixando de acessar os benefícios a que têm direito por não conseguirem sair de casa. Agora iremos até elas!”, explica o prefeito Eduardo Japonês.

A van será transformada em um motorhome, veículo grande com móveis, banheiro e que pode ser adaptado para várias funções. Neste caso os atendimentos do Centro de Referência em Assistência Social poderão ser feitos a domicílio, aumentando muito o alcance das ações da Assistência Social em Vilhena. 

De acordo com os técnicos da Semas, parte dos que têm direito a receber benefícios não sabe que têm esse direito. O trabalho da Assistência, portanto, na maioria das vezes, exige também uma “Educação Social” prévia, ou seja, explicações pormenorizadas dos programas aos usuários em potencial e também uma busca ativa por quem realmente precisa deles.

“A demanda de atendimentos na Assistência Social é grande. Fazemos mais de 10 mil atendimentos em média por mês! Como a cidade continua a crescer rapidamente, precisamos ampliar nossa velocidade de atendimento. E o veículo vai ser ótimo para isso!”, pontua Rafael Reis.

 

Semcom/Ilustrativa

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: 7h - 13h