ÚLTIMAS NOTÍCIAS /

Em vídeo, prefeito e diretor clínico do Hospital Regional desmentem boatos sobre coronavírus

Sexta-feira, 13 de março de 2020

Visualizada 632 vezes

Vilhena não tem casos suspeitos, muito menos confirmados: Prefeitura está atenta e toma medidas de precaução


O prefeito Eduardo Japonês e o diretor clínico do Hospital Regional de Vilhena (HRV) divulgaram vídeo na tarde desta sexta-feira desmentindo boatos e fake news sobre o coronavírus. De acordo com a equipe técnica do HRV, até a tarde desta sexta-feira, dia 13, não há nenhum caso suspeito, muito menos confirmado, de coronavírus na cidade. Em preparação à pandemia mundial, a Secretaria Municipal de Saúde está tomando medidas preventivas e orienta a população quanto aos cuidados necessários. Mais materiais informativos serão produzidos nos próximos dias, já que a situação ainda deve se agravar no país, conforme alerta do Ministério da Saúde.

Veja o vídeo no link: https://www.facebook.com/watch/?v=648416229268821

“Várias fake news estão circulando, dizendo que em Vilhena já existem casos confirmados, mas essa informação é falsa. Estamos atentos e tomando medidas preventivas para lidar com casos que possam aparecer no município, que é um polo de viagens e trânsito da região. Queremos tranquilizar a todos, mas, ao mesmo tempo, há várias recomendações a serem seguidas”, explica André Oliveira, diretor clínico do HRV.

O prefeito Eduardo Japonês lembra a cidade para ser criteriosa na leitura e encaminhamento de mensagens a respeito do tema, já que informações erradas podem prejudicar a Saúde pública. “Estamos em um momento de pânico no mundo, mas pedimos tranquilidade e calma aos vilhenenses. A Prefeitura está se precavendo e não há casos na cidade. Por recomendação do Ministério da Saúde, estamos cancelando grandes eventos e sugerimos a todos que busquem adiar viagens para locais que têm casos confirmados, se possível”, explica Japonês.

A direção do hospital recomenda que os cuidados sejam redobrados: lavagem frequente das mãos (ou uso de álcool em gel), evitar contato desnecessários com outras pessoas, cobrir nariz e boca ao espirrar, manter todos os ambientes ventilados e evitar aglomerações ou espaços abafados.

No HRV há estoque de máscaras, medicamentos, luvas e insumos em geral necessários para lidar com possíveis casos na cidade. Além disso, estão sendo preparadas salas específicas para isolamento, retaguarda de equipamentos de ventilação mecânica, leitos a mais e outras medidas de prevenção a possíveis casos que venham a surgir. O Dia da Piscicultura - Festival do Tambaqui, por exemplo, previsto para o dia 21, foi cancelado nesta tarde, em atenção às recomendações do Governo Federal.

Os sintomas são semelhantes ao de uma gripe comum e envolvem coriza, tosse, dor de garganta e febre. “Os pacientes com sintomas leves devem procurar os postos de saúde. O médico vai avaliar e acompanhar os pacientes. Porém, se a pessoa estiver com dificuldade para respirar, fraqueza, vômitos e sintomas mais intensos, devem procurar o Hospital Regional”, afirma André.

A Prefeitura recomenda ainda que a população busque informações apenas em fontes confiáveis, especialmente no site do Ministério da Saúde, que já publicou diversos materiais educativos a respeito do tema. Ao mesmo tempo, reforça que manterá a cidade informada da verdade.

Veja o vídeo no link: https://www.youtube.com/watch?v=Efch2jKaVao

 

Semcom

 Galeria de Vídeos

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: 7h - 13h