ÚLTIMAS NOTÍCIAS /

Mais empresas de Vilhena nas licitações da Prefeitura: projeto do Sebrae apresenta dados e discute ações para 2019 e 2020

Sexta-feira, 25 de outubro de 2019

Visualizada 500 vezes

Proposta é que empresas da cidade sejam as prioritárias nas próximas licitações realizadas pelo município


Interessada em aumentar a participação de empresas locais nas licitações municipais, a Prefeitura de Vilhena se reuniu com o Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) para intensificar o projeto que começou em agosto (lembre aqui).

Hiperlink

http://www.vilhena.ro.gov.br/index.php?sessao=b054603368vfb0&id=1395783

No auditório do Sebrae, a apresentação dos técnicos da entidade sobre a consultoria em Compras Públicas apresentou dados e serviu também de debate para definição dos melhores meios para estimular as micro e pequenas empresas do município a participarem das licitações da Prefeitura.

Os técnicos Oscar Moreira e Desóstenes Nascimento estiveram reunido por várias semanas com servidores da Controladoria de Licitações e coletaram dados dos recentes processos licitatórios para um diagnóstico da situação.

Marcondes Cerrutti, secretário municipal de Indústria, Comércio e Turismo, acompanhou o estudo. “Atualmente cerca de metade dos vencedores das licitações feitas pela Prefeitura são de outras cidades ou Estados. E, pior, a maioria destes é distante de Vilhena. Precisamos conquistar fornecedores locais de produtos e serviços de informática, transporte escolar, serviços gráficos, construção civil, alimentos, materiais permanentes, combustível, veículos e materiais elétricos. Muitos destes setores são dominados nas compras públicas de Vilhena por empresas de fora”, revela Marcondes.

O planejamento das compras públicas é a materialização de uma estratégia de desenvolvimento local. Oscar Moreira ressalta a importância de uma boa programação. “Planejamento não é garantia de sucesso, mas assegura que as coisas serão bem-feitas. Vamos dar a continuidade ao trabalho, priorizando a compra na cidade. Com isso o dinheiro circula no município e fortalece a Economia. Além disso, mostra que a Prefeitura está comprometida com os comerciantes locais e que a administração é uma boa parceira comercial”, destaca.

Estiveram presentes na reunião diversos servidores da Prefeitura: Loreni Grosbelli controladora de licitações, juntamente com os servidores responsáveis pelo PAA (Programa de Aquisição de Alimentos), PNAE (Programa Nacional de Alimentação Escolar) e pregões, além de Rita Corrêa, agente de desenvolvimento da Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio. Os secretários de Comunicação, Jovino Lobaz, e Agricultura, Jair Dornelas, também participaram do encontro.

RAIO-X DAS LICITAÇÕES - A coleta dos dados das licitações mostrou que em 2018 apenas 1,8% das licitações não foram concluídas, enquanto em 2019, até julho, todas cumpriram seu objetivo. Oscar ressalta que o número aceito para falhas em licitações é de até 10%. “Vilhena se manteve abaixo deste número, isso ressalta o bom trabalho da Controladoria de Licitações e também que o edital foi bem elaborado”, conclui.

Das 187 empresas que participaram de licitações no ano passado, 117 (62%) eram micro e pequenas empresas, inclusive MicroEmpreendedores Individuais (MEI). Entre todas as participantes, 101 (54%) são de Vilhena, 5 (2,5%) do Cone Sul, 40 (21,5%) de outros municípios de Rondônia fora do Cone Sul e 41 (22%) de outros estados.

Assim, o projeto de estímulo deve continuar até 2020 para que então sejam analisados os resultados da iniciativa. 

 

Semcom

 Galeria de Fotos

 Outras Notícias

HORÁRIO DE ATENDIMENTO: 7h - 13h